ver novamente

União da Ilha do Governador

Compartilhar:
Nome GRES União da Ilha do Governador
Fundação 7/03/1953
Posição em 2011 8ª Colocada
Enredo "Vinicius, no plural. Paixão, poesia e Carnaval"
Carnavalesco Alex de Souza
Intérprete Ito Melodia
Cores Oficiais Azul, vermelho e branco
Mestre de bateria Mestre Riquinho
Ordem do desfile Quarta escola a desfilar na primeira noite: 10 de fevereiro de 2013 (Domingo)
Leia mais sobre a escola

Últimas Notícias

    Todas as notícias

    A ESCOLA

    História

    A União da Ilha foi criada em 1953 por iniciativa de três amigos que, logo após o carnaval daquele ano, propuseram aos integrantes de um time de futebol, o União Futebol Clube, a fundação de uma escola de samba. A agremiação ficou famosa no final da década de 1970 e início de 1980 com enredos simples e belos, sob o comando da carnavalesca Maria Augusta, e alguns dos melhores sambas da história do carnaval carioca. O compositor Didi, autor de “É Hoje”, foi o maior vencedor de disputas de samba-enredo da folia carioca. Em 2011, a União da Ilha desfilou o enredo “O Mistério da Vida”, mas não foi avaliada pelos jurados em razão de um incêndio na cidade do samba que atingiu o seu barracão e os da Grande Rio e Portela.

    Samba-enredo 2013

    Vinicius, no plural. Paixão, poesia e Carnaval
    Compositores:  Ginho, Junior, Vinícius do Cavaco, Eduardo Conti, Professor Hugo e Jair Turra

    Surgiu, ao som do mar, um poeta
    que brincava na areia
    na Ilha um menino, sempre a sonhar
    fez da sua vida um poema
    e viveu a declamar
    “Como é bom se apaixonar”!
    ó pátria amada, recebe esse menestrel!
    voz do morro na folia, orfeu chegou, raiou o dia!
    levou a Bossa no “tom” d’alegria
    se é canto de ossanha menina, então não vá!
    um berimbau vai ecoar…
    vem, meu camará!

    “Menininha me chamou…vou pra Bahia
    sou da linha de Xangô…Caô meu guia
    Odoyá…Uemanjá!
    a benção meu pai Oxalá!”

    Ê jangada…na luz da manhã já vai navegar
    segue pra Itapuã, no brilho do sol…é bom vadiar!
    um jeitinho que fascina,
    num doce balanço que não tem igual
    quando abrir a arca de Noé…
    um riso de criança em cada olhar
    enfim, o que importa é amar
    a noite é sua passarela,
    o show não pode parar

    Onde anda você…”Poetinha”?
    saudade mandou te buscar
    a Ilha é paixão na avenida
    mais que nunca é preciso cantar

    Títulos

    A escola nunca foi campeã do Grupo Especial. Sua melhor colocação foi o vice-campeonato em 1980, com o enredo “Bom, Bonito e Barato”.

    Musas

    Vivian Guapyassu