Tamanho do texto

Durante ensaio no último fim de semana, a musa da Acadêmicos do Tatuapé, Renata Spallici, levantou a bandeira que valoriza a força da mulher: “Foi uma ideia da princesa de bateria e todas nós aderimos”.

Bicampeã do carnaval de São Paulo, a Acadêmicos do Tatuapé esse ano quer conquistar o tricampeonato ao homenagear grandes personalidades da história. Nesse fim de semana, Renata Spallici levantou a bandeira que valoriza a força da mulher e os movimentos sociais durante ensaio da escola de samba.

Leia também: Apuração do carnaval de São Paulo: Acadêmicos do Tatuapé é campeã 2017

Acadêmicos do Tatuapé tenta tricampeonato com enredo abordando os movimentos sociais.
Divulgação
Acadêmicos do Tatuapé tenta tricampeonato com enredo abordando os movimentos sociais.


Com o enredo “Bravos Guerreiros, pela honra, pela justiça, pelos que precisam de nós”, a Acadêmicos do Tatuapé vai passar pela Antiguidade, Idade Média, África até chegar ao presente, através dos movimentos ativistas que buscam pela justiça social. O tema desse ano vai homenagear todos os guerreiros que cravaram seu nome na história em defesa das minorias.

Leia também: Ítala Bruna estreia como madrinha de bateria da bicampeã Acadêmicos do Tatuapé

Durante ensaio nesse fim de semana da escola de samba , a musa, Renata Spallicci, levantou a bandeira do feminismo, que luta pela igualdade de gênero como forma de valorizar a força da mulher. “Foi uma ideia da princesa de bateria e todas nós aderimos. Não apenas no carnaval, onde nós mulheres brilhamos, mas na sociedade. A mulher merece ser valorizada. É uma questão de justiça social. E com muito orgulho, eu e toda corte, levantamos esta bandeira”, afirmou Renata.

Renata brilhou com uma fantasia muito especial de guerreira branca, que simboliza a luta de paz. Ela explicou o que a sua fantasia representava: “A fantasia representa as mulheres guerreiras que lutam por respeito e igualdade, mas uma luta de paz. Paz na guerra e vitória sem que seja incitada a violência, inspirada em ícones como Naomi Parker, Chiquinha Gonzaga, Frida Khalo e tantas outras que lutaram esta luta de paz”.

Leia também: Repercussão das musas após vitória da  Acadêmicos do Tatuapé

Renata Spallici
Divulgação
Renata Spallici


A empresária, atleta e coach, Renata, é uma referência na luta por igualdade entre os gêneros e na questão de empoderamento feminino. Através das suas redes sociais, Renata também desenvolve diversas ações por todo o país. No seu Instagram, a musa da bateria da bicampeã de São Paulo compartilha seu dia a dia, entre eles ela mostrou os bastidores dos ensaios. 

A Acadêmicos do Tatuapé vai dominar o Sambódromo do Anhembi no primeiro dia de desfile, sendo a 5ª escola a entrar na Avenida na sexta-feira (1 de março) e durante a apresentação serão distribuídas rosas brancas para as mulheres, e a faixa será estendida por Renata, junto com toda a corte.