Rio de Janeiro

enhanced by Google
 

Reveja os momentos mais marcantes de Luma de Oliveira na Sapucaí

A "eterna musa" do carnaval, após vários anos como rainha de bateria, volta como musa de camarote vip

Luisa Girão, iG Rio de Janeiro | 01/03/2011 15:42

Texto:
enviar por e-mail
* campos são obrigatórios
corrigir
* campos obrigatórios

De coleira com o nome do então marido - o milionário Eike Batista, de peitos à mostra antes da era silicone, vestida com um laço de presente, ajoelhada com a bateria durante uma paradinha funk... São muitos os momentos eternizados por Luma de Oliveira na passarela que a consagrou, a Marquês de Sapucaí.

<span>Em 1987, sua primeira vez como madrinha de bateria, encantou a Marquês de Sapucaí com os seios à mostra, na Caprichosos de Pilares</span> - <strong>Foto: Agência O Globo</strong> <span>Em 1998, Luma enfrentou uma das maiores polêmicas de sua carreira, ao desfilar pela Tradição usando uma coleira onde se lia o nome do então seu marido, Eike Batista</span> - <strong>Foto: AE</strong> <strong>Publicidade</strong> <span>Em 2005, Luma voltou à Sapucaí, desfilando pela Caprichosos, após um ano ausente. Com uma fantasia linda, deu show de beleza e gingado</span> - <strong>Foto: Agência O Globo</strong> <span>Em 2009, após um intervalo de três anos ausente no sambódromo, Luma foi coroada rainha da Portela</span> - <strong>Foto: AgNews</strong> <span>Em 2011, Luma de Oliveira foi a musa do camarote da Brahma</span> - <strong>Foto: George Magaraia</strong> <span>Capa de 1987, edição que teve o texto de João Bosco, que agora inspira o enredo da Estácio de Sá</span> - <strong>Foto: Reprodução</strong>

Luma já declarou que tem "o coração enfeitado por dentro e o carnaval circulando nas veias". Impossível discordar. Luma foi rainha de bateria de várias escolas do Rio de Janeiro – entre elas, Viradouro, Tradição, Portela e Caprichosos de Pilares – ao longo de 17 anos de dedicação à Sapucaí. Em 2006, decidiu pendurar as plumas e acompanhar os desfiles apenas dos camarotes. Não se aguentou. Em 2009, aceitou convite da Portela e voltou a atrair os flashes. Como é daquelas musas que dizem “dar a vida pela escola”, abriu mão de desfilar nos últimos dois anos, por não poder comparecer a todos os compromissos que o cargo exige.

Mas, tudo bem, Luma volta agora como musa do camarote da Brahma, um dos espaços vips mais concorridos da folia carioca. “Falar que me sinto honrada é pouco, principalmente por ser escolhida entre tantas mulheres lindas. Já houve convites anteriores, mas achei que esse era o momento certo. Estou me sentindo à altura”, afirmou ela recentemente.

 

Texto:
enviar por e-mail
* campos são obrigatórios
corrigir
* campos obrigatórios

Notícias Relacionadas


Mais destaques

Destaques da home iG

Ver de novo