Tamanho do texto

A Estação Primeira de Mangueira conquistou o título de campeã do carnaval carioca com o enredo "Histórias para ninar gente grande"

Leandro Vieira, o carnavalesco da Mangueira, deu entrevista depois que a escola conquistou o título de campeã do carnaval carioca, nesta tarde de quarta-feira (06). Durante a entrevista, o carnavalesco exaltou a agremiação e, de quebra, fez uma crítica ao presidente Bolsonaro.

Leandro Vieira, carnavalesco da Estação Primeira de Mangueira fala sobre o 20º título da escola de samba
Reprodução/Globonews
Leandro Vieira, carnavalesco da Estação Primeira de Mangueira fala sobre o 20º título da escola de samba

Leia também: Mangueira é a grande campeã do carnaval do Rio de Janeiro em 2019

Não é a primeira vez que o carnavalesco Leandro Vieira trabalha na Mangueira . Tampouco é o primeiro título que Leandro leva a agremiação a alcançar. Em 2016, com o enredo "Maria Bethânia: A Menina dos Olhos de Oyá", a escola carioca foi a campeã.

Ao falar sobre a vitória da agremiação no carnaval 2019 , Leandro exaltou a comunidade: "A voz do povo é a voz de Deus. Essa voz que tá cantando hoje está calada há muito tempo. O enredo é para despertar isso”. No carnaval 2019, o enredo daescola em questão foi "Histórias para ninar gente grande", em que colocou vários aspectos da história do Brasil sob o olhar de minorias, como os negros e os índios.

Leia também: "Essa vitória é do povo preto", diz passista sobre a vitória da Mangueira no Rio

Sobre a 20ª vitória da agremiação, Leandro ainda declarou: "Merece esta festa. É uma escola que faz carnaval para representar uma comunidade importante".

Carnavalesco da Mangueira faz críticas ao presidente

Mangueira fez referência a Marielle Franco e enalteceu minorias durante o desfile do carnaval 2019
Reprodução
Mangueira fez referência a Marielle Franco e enalteceu minorias durante o desfile do carnaval 2019

Além disso, o carnavalesco ainda aproveitou para fazer uma crítica a  Bolsonaro : "É um recado político para o País todo, que tem que entender que isso aqui é importante. É um recado político também para o presidente mostrar que o carnaval é isso aqui".

Leia também:  Carnaval da crise no Rio tem crítica como denominador comum e fila de favoritas

O carnavalesco também disparou: "É a festa do povo. O carnaval é cultura popular. O carnaval não é o que ele acha que é. O carnaval é isso. E ele deveria mostrar para o mundo o carnaval da Mangueira . O carnaval da arte, o carnaval da luta, o carnaval do povo, o carnaval da cultura popular".

    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.

    Notícias Recomendadas