Tamanho do texto

Repórter da RBTV entrevistava uma menina aparentemente alcoolizada quando ela tentou beija-lo; ele se afastou e disse que era casado; confira

Um repórter da RBTV passou por apuros durante o carnaval 2019 de Salvador na noite da última sexta-feira (01). Enquanto entrevistava uma mulher aparentemente alcoolizada, a menina acabou "atacando" o jornalista, que teve que fugir.

Leia também: Giro dos famosos: depois de desistir da folia, Bruna Marquezine aparece na Bahia

Repórter é agarrado por menina alcoolizada e foge dela durante carnaval da Bahia
Reprodução/Twitter
Repórter é agarrado por menina alcoolizada e foge dela durante carnaval da Bahia


A menina coloca um colar no pescoço do repórter e diz "mas eu tenho que trocar por um beijo". Rapidamente ele se afasta e diz que é casado. A menina vai atrás do profissional durante a festa do carnaval 2019 .

Leia também: Mancha, Império e Tatuapé brilham na 1ª noite de desfiles do carnaval de SP

Veja o vídeo no Twitter :


A repercussão na internet, no entanto, não foi nada boa. "Não consigo ver graça nenhuma nisso, pra mim é assédio e NÃO é legal. O cara tá fazendo o trabalho dele, isso que a mina fez foi vergonhoso. E pros homens dizendo "imagina se fosse o contrário": num precisa imaginar, já é o contrário todos os dias, em todos os lugares", comentou uma internauta.

"Era pra ser engraçado? Assédio de nenhum lado é engraçado", disse um internauta. "O repórter foi muito educado, sorte ela teve, podia ter levado um empurrão e se machucado ainda. Aí a culpa ia ser do homem 'violento'", comentou outro.

Leia também: Rainha do Carnaval? Paolla Oliveira encanta seguidores com fantasia transparente

Outras pessoas levaram tudo para um outro lado e até brincaram. "São o Rosa e Rosinha", disse um usuário do Twitter. "Isso não é assédio, só pq ela queria forçar o cara algo que ele não queria, ela tá bebada, dá pra relevar... Se fosse um homem fazendo isso com uma mulher, tinha que ser preso o canalha", disse mais um. "Coitado do rapaz", brincou outro internauta o vídeo do repórter e da menina.