ver novamente

Tom Maior

Tom Maior
  • Nome
    GRES Tom Maior
  • Fundação
    14/02/1973
  • Posição em 2014
    7ª Colocada
  • Enredo
    "Adrenalina"
  • Carnavalesco
    Mauro Quintaes
  • Intéprete
    Rene Sobral
  • Cores Oficiais
    Vermelho, amarelo e branco
  • Mestre de Bateria
    Mestre Carlão
  • Ordem do desfile
    Terceira escola a desfilar na sexta-feira, 13

Sobre a escola

História
A escola de samba Tom Maior nasceu em fevereiro de 1973, mas só foi para a avenida no ano seguinte. A inspiração para o batismo da agremiação veio dos versos de Martinho da Vila, na música que leva o mesmo da escola: “Vai ter de amar a liberdade, só vai cantar em Tom Maior. Vai ter a felicidade de ver um Brasil melhor”. Sem quadra fixa, os ensaios aconteciam nas ruas do Sumaré, como Cristiano Viana, Oscar Freire, Galeno de Almeida, Amália de Noronha, Alves Guimarães, João Moura e adjacências. Com o passar dos anos, a escola teve de enfrentar a resistência de alguns moradores e acabou se afastando do seu bairro de origem. Hoje as atividades da Tom Maior acontecem em um espaço alugado na Bom Retiro. A escola desfilou pelo principal grupo do carnaval em 1977 e 1978. Depois disso, a agremiação só reencontrou o Grupo Especial novamente em 1996. Após um período entre acesso e rebaixamento, a Tom Maior voltou à elite em 2005, onde permanece até hoje. Em 2011, a agremiação ficou na nona colocação, com 267,75 pontos.

A sirene tocou uma voz ecoou
canta tom maior
a lágrima escorre de alegria
transborda emoção na avenida
os olhos se cruzam no ar
num doce bailar… faz arrepiar
quero sim, quero você sempre mais
nasce um grande amor que não tem jeito
nem com o tempo se desfaz
deu medo? Me abraça! Mistérios no ar
o mal se revela pra te congelar
o clima é tenso, a todo momento
um grito de susto se faz ecoar
vai coração sem limites quero superar!!
Vale o risco, vale o grito, eu aposto pra ganhar!!
É gol!! O mundo aplaude meu show
e a força que invade leva o povo sempre a sonhar
que a ilusão não acabou em cinzas
a fantasia traz a luz de um novo dia
mais um desfile se encerra e a magia
faz a comunidade acreditar
vermelho, amarelo, minha vida, meu pavilhão
graças a deus o povo grita: “é campeão!”
Chama outra nota 10 que eu vou… enlouquecer
delirar, sacudir … de prazer
em tom maior a vitória me alucina
explodiu adrenalina

Pâmela Gomes

últimas notícias