Apuração em São Paulo tem confusão e protesto por notas baixas

Por iG São Paulo | - Atualizada às

compartilhe

Tamanho do texto

Quesito "Evolução" causou revolta entre os representantes das escolas na tarde desta terça-feira (9)

A apuração das notas das escolas de samba de São Paulo virou confusão na tarde dessa terça-feira (9). Durante a leitura do quesito "Evolução", um dos jurados esqueceu de dar nota para a escola Império de Casa Verde e causou revolta dos representantes da agremiação.

Confusão na apuração do carnaval de São Paulo
Paulo Lopes/Futura Press
Confusão na apuração do carnaval de São Paulo


Segundo o regulamento, quando um jurado não dá a nota, a escola recebe automaticamente a maior nota atribuída pelos outros jurados naquele quesito. Os representantes da Império se levantaram e se dirigiram até a frente do palco onde as notas estavam sendo lidas para reclamar seu direito.

A confusão durou alguns minutos com a ameaça de invadirem o espaço da leitura das notas, até que um representante da Liga leu o regulamento e o ambiente voltou à tranquilidade.

Integrante da Vila Maria é imobilizado pela polícia
Paulo Lopes/Futura Press
Integrante da Vila Maria é imobilizado pela polícia


Durante a confusão, um dos diretores se mostrou muito alterado e afirmou que o jurado que não deu nota à escola deveria ser preso. 

O quesito "Evolução" foi o quinto a ser lido e causou surpresa a todas as escolas por os dois primeiros jurados terem dado notas baixas - incluindo um 8,9 muito raro para a Rosas de Ouro. A nota mais alta que a Império de Casa Verde recebeu foi, justamente, um 10, o que fez com que a nota em branco não dada pelo jurado passasse a ser 10 também.

Representantes da Império de Casa Verde se revoltam durante apuração em São Paulo: jurado se esqueceu de dar nota. Foto: Reprodução/TV Globo/Reality SocialRepresentantes da escola ameaçaram invadir o espaço de leitura das notas. Foto: Reprodução/TV Globo/Reality SocialConfusão na apuração do carnaval de São Paulo. Foto: Paulo Lopes/Futura PressIntegrante é detido pela polícia. Foto: ReproduçãoConfusão marca apuração do carnaval de São Paulo. Foto: Paulo Lopes/Futura PressConfusão marca apuração do carnaval de São Paulo. Foto: Paulo Lopes/Futura PressConfusão marca apuração do carnaval de São Paulo. Foto: Paulo Lopes/Futura Press



Dois quesitos depois, "Harmonia", outro jurado também deixou de dar uma nota, dessa vez para a X-9 Paulistana. A confusão começou de novo e a polícia foi chamada para tentar conter representantes de várias escolas. 

A polícia civil chegou a imobilizar e algemar um representante da Unidos de Vila Maria, que foi retirado do local e levado para a delegacia. O presidente e outros integrantes da escola resolveram boicotar a apuração e ir embora do local antes do término da leitura dos votos.

Assista vídeos da confusão:




Veja outras imagens da confusão:



Leia tudo sobre: ApuraçãoSão PauloCarnaval 2016

compartilhe

Tamanho do texto

notícias relacionadas