Apaixonada pela folia, musa da bateria da Acadêmicos do Tucuruvi inspirou a filha de apenas seis anos

O corpo estonteante da cantora e produtora Renée de Oliveira traduz toda a dedicação que a musa da bateria da Acadêmicos do Tucuruvi tem o ano todo com o Carnaval. Apaixonada pela folia, ela se prepara com muito exercício e garante a boa forma também com as inúmeras apresentações de samba que faz pelo Brasil. “Eu vivo o Carnaval o ano inteiro”, diz.

Siga o Twitter do iG Gente e acompanhe todas as notícias dos famosos

Acompanhe todas as notícias do Carnaval 2013 aqui no iG

Desde 2004 na agremiação, a mulata já foi princesa e rainha da bateria, até conquistar o posto de musa, em 2008, de onde não saiu mais. “O Carnaval faz parte da minha vida. Quem desfila a primeira vez, se apaixona”, conta Renée, que vai desfilar também pela Caprichosos de Pilares, no Rio de Janeiro.

A paixão pelo Carnaval é tamanha, que Renée já inspirou até mesmo a filha Khawany, de seis anos, que será rainha mirim da bateria da escola Imperador do Ipiranga, pelo grupo de acesso. “No ano passado, este cargo era meu. Agora, ela me derrubou”, brinca a mãe coruja.

Além da folia, Renée também está empolgada com o grupo Rainhas do Funk, que ela mesma produz, canta e dança junto com outras três musas do Carnaval paulistano.

    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.