São Clemente

São Clemente
  • Nome
    GRES São Clemente
  • Fundação
    25/10/1961
  • Posição em 2015
    9ª Colocada
  • Enredo
    "Onisuáquimalipanse" (Envergonhe-se quem pensar mal disso)
  • Carnavalesco
    Rosa Magalhães
  • Intéprete
    Leozinho Nunes
  • Cores Oficiais
    Amarelo, preto e ouro
  • Mestre de Bateria
    Mestres Gil e Caliquinho
  • Ordem do desfile
    Segunda escola a desfilar na segunda-feira, 27

Sobre a escola

História
A São Clemente surgiu em 1961 a partir de um time de futebol criado oito anos antes por moradores da rua que leva esse nome e fica em Botafogo (zona sul do Rio). As cores preta e amarela foram copiadas do Peñarol, clube uruguaio. A agremiação estreou na terceira divisão das escolas de samba em 1962 e, dois anos depois, ascendeu à segunda. Em 1967, estreou no atual Grupo Especial, mas foi rebaixada. Desfilar na elite, ser rebaixada e ascender novamente se tornou uma rotina para a escola, que hoje tem muitos integrantes moradores do morro Dona Marta. Em 2011, a São Clemente ficou na nona colocação, somando 290,9 pontos, com o enredo “O seu, o meu, o nosso Rio, abençoado por Deus e bonito por natureza”. De 2015 para 2016, a escola caiu nas colocações. Do 8º, foi para o 9º, contando 267,80 pontos com o enredo "Mais de mil palhaços no salão".

Contam... Que o governante de um país

Dançava as noites tão feliz

E brincava mascarado

Do zum zum do carnaval

Bailou... Como o astro-rei de um poema

Ao final da cena

Houve aclamação geral

O sol... A partir desse tal dia

Ganhou a honraria de símbolo real 



Daí então o ministro do tesouro

Ergueu a peso de ouro

Um palacete e convidou

O soberano que encantou-se nos jardins

Com a beleza se mirando nas águas do chafariz

Foi assim que descobriu nessa festança

Que havia comilança em sua pátria mãe gentil

Chega ao fim tanta cobiça

Quem levou não leva mais

Majestade da justiça

Palavra de rei não volta atrás

Usando a mesma régua e o mesmo traço

Construiu-se outro palácio

De imponência sem igual

Ecoam pelos ares de Versalhes

Os acordes de um baile suntuoso e triunfal

A coroa do sol vem me coroar

Alumiou, deixa alumiar

Que hoje o rei sou eu

Brilhando com a ginga que o samba me deu

Raphaella Gomes

Últimas Notícias