Ex-assessora parlamentar, que passou a ser conhecida como "Furacão da CPI" ao ter vídeo íntimo vazado na internet, desfila pela Grande Rio em 2014

Esta loura de 1,70 m roubou as atenções no Congresso Nacional em 2012. Se por acaso você esuqeceu, Denise Rocha ficou famosa após ter um vídeo de sexo divulgado na internet, durante a CPI do bicheiro Carlinhos Cachoeira. Ela era até então assessora parlamentar do senador Ciro Nogueira (PP-PI) e logo ganhou o apelido de “Furacão da CPI“, foi notícia na imprensa e não demorou para estampar a capa da Playboy.

Denise virou a página. O vídeo já é passado e agora ela só pensa em seguir adiante. Formada em Direito, deu um tempo nas roupas formais e está pronta para mostrar toda sua sensualidade  no carnaval carioca. Denise desfila pela escola Grande Rio.

Durante este ensaio exclusivo para o iG , Denise falou sobre o vídeo erótico, as cantadas dos senadores e como classifica seu pensamento político. “Esquerda ou direita é movimento de samba no pé. Meu pensamento político é no pé. Samba no pé! ”, brinca.

<script src="http://player.tvig.ig.com.br/current/samba-player.js?cb=alteraFormatoVideo_2&ep=ig&pu=http://player.tvig.ig.com.br/current/profiles/ig/&ph=2c07e4149695bbb43990fa7a9e2ed2ee&m=50df204300fbf80691000037&ad_program=http%3A%2F%2Fadserver.ig.com.br%2FRealMedia%2Fads%2Fadstream_nx.cgi%2Fwww.tvig.com.br%2Ffamosos%40x83%3Fidm%3D8a4980263b92f778013bb3a4bdc304bc&profileName=sambaPlayer-embed.xml"></script>


iG: Como você se tornou assessora parlamentar no Senado Federal?

DENISE ROCHA: Sou advogada. Soube de uma vaga num gabinete de um senador, enviei currículo e fui chamada. Antes disso trabalhei em escritório particular. Trabalho desde o segundo semestre da faculdade, nunca parei.

iG: Recebe mais cantadas agora que faz fotos nuas, ou antes, quando usava roupas discretas?

DENISE ROCHA: Eu usava terno e tailleur. Não deixava de ser feminina ou de cuidar da minha beleza. Se eu for para o carnaval, vou com biquíni. Se estou advogada, uso roupa para a ocasião. A roupa não interfere no que os homens pensam da gente.

Denise Rocha
Paulo Marcos
Denise Rocha

iG: Você imagina o que pensam de você?

DENISE ROCHA: Este estigma da sociedade precisa ser derrubado. Advogada não pode ter beleza, malhar, passar a tarde na academia? Dá para conciliar a saúde mental com a intelectual.

iG: Mas você recebia muitas cantadas em Brasília?

DENISE ROCHA: Como em todo ambiente que tem homem, sim. No Senado ou fora dali, a mulher tem que ter postura para lidar com isso. Já recebi cantada de senador, deputado... Isso é inerente ao homem.

iG: Teve algum político que mexeu para valer com você?

DENISE ROCHA: Estava lá para trabalhar, nada mais que isso. Admiro o trabalho de muitos parlamentares, não deixo de ter contato com eles. A amizade e admiração ficaram comigo.

iG: Qual foi sua reação ao saber que os parlamentares estavam vendo um vídeo intimo seu na internet?

DENISE ROCHA: Foi durante uma sessão da CPI... Não recebi de forma agradável. Tentei virar a história, com o tempo, para o lado positivo. E tirei proveito dessa fama repentina. 

iG: Seu pensamento político é de direita, centro ou esquerda?

DENISE ROCHA: Meu pensamento político é no pé. Samba no pé! Esquerda ou direita é movimento de samba no pé ( risos ).

Denise Rocha
Paulo Marcos
Denise Rocha

iG: Em que tipo de área você prefere atuar na sua profissão?

DENISE ROCHA: Ai, parei de exercer porque não está dando tempo. Já trabalhei em vara cível, tributária e eleitoral.

iG: Que tipo de homem te atrai?

DENISE ROCHA:  Gosto de homem inteligente, com quem eu consiga conversar. Não importa se está com ou sem gravata!

iG: Foi fácil tirar a roupa para a Playboy?

DENISE ROCHA: Foi bem complicado de fazer. Mas hoje em dia, humildemente, estou me saindo muito melhor nos ensaios, aprendi a tirar a roupa com mais naturalidade. Aprendo com as técnicas dos fotógrafos. Humildade sempre.

iG: Você ainda vai a Brasília?

DENISE ROCHA:  Aluguei um apartamento na Barra da Tijuca para ficar perto das oportunidades de trabalho. E de vez em quando vou a Brasília, minha família está lá.

30 anos

1,70m

56 kg

Cintura: 68 cm

Busto: 99 cm

Quadril: 105 cm

Produção : Ana Luiza Veiga / Make : Mauricio Nazario / Agradecimentos : Favela Hype; Ki-Korpo; Leila Rodrigues; Sobral e Terral, Clube Costa Brava (RJ)


    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.