Escola fez um desfile com um tema da atualidade e usou muito bom humor para retratar a busca pelo corpo perfeito

A União da Ilha levou para Marquês de Sapucaí o samba enredo "Beleza Pura?", que analisou de forma descontraída e debochada a vaidade, o bullying e a intensa busca pelo corpo perfeito, assim como a futilidade. A escola usou fantasias luxuosas, pinturas, esculturas e uma crítica aos exageros e à superficialidade das fotos selfies.

Foram retratadas a preocupação estética desde os tempos antigos, no Egito e na Grécia. Até Hércules apareceu usando uma academia de ginástica. A rainha de bateria Bruna Bruno estava vestida de Bela, enquanto os integrantes da bateria estavam de Fera.

A comissão de frente contou com uma Branca de Neve um pouco fora de forma, interpretada por Cacau Protásio . Um dos carros levou uma Cleópatra (que era um rapaz) também longe dos padrões de beleza da sociedade, pesando cerca de 200 quilos.

Ainda na concentração, o destaque de um dos carros da escola quase caiu depois que o veículo esbarrou em um viaduto. Mas tudo não passou de um susto.

Alguns integrantes da União da Ilha desistiram de desfilar  antes da escola entrar na avenida. Segundo um deles, Estênio Junior, as fantasias não foram feitas sob medida. A ala em que ele desfilaria contava com uma fantasia que dificultava caminhar. Além disso, o ferro da haste da cabeça estava caindo e atingindo outros integrantes. E ele pagou R$ 180 na fantasia, que abandonou na concentração.

    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.