Além das festas pré-carnavalescas, o bloco fará apenas um desfile oficial durante a folia, no sábado, 14 de fevereiro

Agência Brasil

O Cordão do Bola Preta, considerado pelos foliões o maior bloco de carnaval de rua do País, dá o pontapé inicial nas comemorações pré-carnavalescas deste ano com a execução de três festas: Afro Baile, Agytoê e Digitaldubs, que prometem movimentar a cidade a partir desta semana.

O Afro Baile será na quinta-feira (5) na sede do Bola, na Rua da Relação, número 3, bairro da Lapa, no centro, com entrada franca até as 23h30. Uma nova edição está programada para o dia 12. Os destaques são o cantor Rogê e a banda Afro Jazz, informou a assessoria de imprensa do bloco.

Cordão do Bola preta
Reprodução
Cordão do Bola preta


Na sexta-feira (6), o Bola Preta promove o Baile Transante do Agytoê, com convidado o grupo Manie Gang como convidado especial, responsável pela festa carioca Manie Dansante, que trabalha com o universo dos anos 20, mesclado a releituras modernas e a muita purpurina. A maratona de bailes termina sábado (7) com a Digitaldubs, que promete a participação de Charlie P., da nova geração de MCs britânicos.

O presidente do Bola Preta, Pedro Ernesto Marinho , lamentou que neste carnaval a agremiação fará somente um desfile oficial, no dia 14 de fevereiro. "Os outros desfiles não foram autorizados pela prefeitura por causa das inúmeras obras no centro da cidade." Em função das obras, o desfile do bloco foi transferido da Avenida Rio Branco para a Antônio Carlos, no Castelo. "Só vamos fazer o desfile tradicional do sábado de carnaval."

Apesar da mudança de local, a expectativa é que o desfile do Cordão do Bola Preta reúna 2 milhões de foliões. "Acredito piamente que o desfile vai manter a majestade e o charme. O pessoal vai assim mesmo", disse Marinho.

Este ano, a camiseta do Bola Preta presta homenagem aos 450 anos do Rio de Janeiro e teve a arte desenvolvida pelo cartunista Ziraldo .

    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.