Mais de 50 celebridades da TV participaram do desfile da azul e branco. Estavam na avenida Faustão, Antonio Fagundes, Angélica, Regina Duarte, Francisco Cuoco, Lima Duarte, Renato Aragão e Maitê Proença, entre outros

A Beija-Flor de Nilópolis mostrou, na Sapucaí, a história da comunicação brasileira através da trajetória de uma figura bastante presente na TV: o diretor Bonifácio de Oliveira Sobrinho, o Boni . O profissional foi o grande homenageado do desfile que fechou a primeira noite do grupo especial do Rio de Janeiro, na madrugada da segunda-feira (3). A escola azul e branca começou o cortejo por volta das 4h25.

ACOMPANHE A COBERTURA ESPECIAL DO CARNAVAL 2014

Claudia Raia é a Rainha da Beija-Flor e desfila puxando a escola toda
Fernando Cazaes / AgNews
Claudia Raia é a Rainha da Beija-Flor e desfila puxando a escola toda

Na voz de Neguinho da Beija-Flor , a agremiação passou pela avenida ao som do samba-enredo “O astro iluminado da comunicação brasileira”, escrito pela comissão Fran Sérgio, Ubiratan Silva, Laíla, Vitor Santos e André Cezari. Plínio e Rodney foram os mestres de bateria.

Com mais de 3,6 mil componentes, divididos em 39 alas, a agremiação contou a história da comunicação desde o surgimento do primeiro sistema de escrita em Mesopotâmia, passando pela invenção da Prensa de Gutenberg e chegando à comunicação moderna com o surgimento do cinema mudo.

Beija-Flor encerrou o primeiro dia do Grupo Especial no Rio de Janeiro
Reprodução
Beija-Flor encerrou o primeiro dia do Grupo Especial no Rio de Janeiro

O próprio Boni passou pela Sapucaí, acompanhado da rainha de bateria Raíssa Oliveira . Além do homenageado, Claudia Raia , integrante da Beija-Flor há 30 anos, desfilou com o posto de madrinha da escola, conquistado no ano passado, além de mais de 50 celebridades que fizeram parte da história do diretor de TV. São artistas como os apresentadores Faustão e Serginho Groisman .

Neste ano, a Beija-Flor trouxe o primeiro casal de mestre-sala e porta-bandeira integrados à comissão de frente. O último grupo veio à Sapucaí em formato de peças de xadrez, lembrando a estratégia da comunicação do Boni e que se moviam pela avenida. Içados por um cabo de aço, integrantes eram erguidos por uma estrutra metálica promovendo "a mensagem" do samba-enredo. O imponente abre-alas represento os povos da Mesopotâmia.

Apresentado pela rainha, Boni veio à frente da bateria fantasiado de Charles Chaplin, assim como todos os ritmistas, representando o cinema mudo.

O último carro alegórico, retratando o início da televisão, contou com a presença massiva das celebridades. Entre eles, o casal Luciano Huck e Angélica , Lima Duarte , Maitê Proença , e outros. Cinegrafistas fantasiados transmitiram o desfile ao vivo, as imagens eram projetadas nos telões da chamada TV Beija Flor. O objetivo era explorar a última tecnologia da reprodução de imagens.  A escola se despediu da Sapucaí, às 5h40, com o dia amanhecendo. 

Veja o samba-enredo da Beija-Flor:

No ar, a mensagem de um Beija-Flor
Sonhar, o sonho de um sonhador
E viajar no tempo, no som um sentimento
Ir mais além, tocar o céu
Erguer a Torre de Babel
Escrever seu nome num papel
Eu e você, em sintonia seja onde for
No infinito ao teu sinal eu vou
Leva desejo divino, divino desejo me leva…
A encontrar a arte no seu olhar

A Deusa do samba na Passarela
A marca do carnaval... É ela
Um lado a comunicar, o outro comunicou
Tá na mídia a Beija-Flor

Quando a emoção chegar, a saudade vai bater
Juntos na mesma frequência
Um show de audiência, vamos reviver
Espelho refletindo cada um de nós
Por isso solte a sua voz, hoje o artista é você

Clareou... E a gente vai se ver de novo
Clareou... De azul e branco nos braços do povo
Boni tu és o astro da televisão
Fiz, da sua vida minha inspiração
Vem, a festa é sua, a festa é nossa de quem quiser
Mostra que ''babado é esse'' de samba no pé

    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.